O comentário da Embaixadora da Ucrânia, Inna Ohnivets, ao artigo de opinião de José Milhazes, intitulado “Ucrânia: Guerra religiosa com a Rússia promete novas convulsões”

Створено: 17 вересня 2018 Дата публікації Перегляди: 2762

3O comentário da Embaixadora da Ucrânia, Inna Ohnivets, ao artigo de opinião de José Milhazes, intitulado “Ucrânia: Guerra religiosa com a Rússia promete novas convulsões”, publicado a 14 de setembro passado no Observador:

"Como é possivel que o jornalista experiente distorça os factos?!!! Os últimos parágrafos deste atrigo nâo é mais do que uma tentativa de manipulaçâo da opinhâo pública portuguesa.
Quanto às questões abordadas neste artigo, ter uma igreja autónoma é um direito do povo ucraniano! O reconhecimento da autocefalia da Igreja Ortodoxa Ucraniana é de maior importância para garantir a segurança nacional da Ucrânia.O Tomo de Autocefalia irá completar a consolidação de independência do Estado Ucraniano, fortalecendo a liberdade religiosa e a paz interconfessional.
Além disso, apesar do facto de a Ucrânia não controlar, atualmente, 7% do seu territorio e de ter perdido cerca de 20% do seu potencial industrial , em consequência da agressão militar da Russia, a Ucrânia está a realizar o processo de reformas e já atingiu os resultados visiveis. Os indicadores macroeconómicos para 2017 ( cerca de 2,2% do crescimento do PIB, redução da inflação e diminuição do défice orçamental do estado para 1,6% do PIB) mostram que a Ucrânia entrou numa fase de crescimento económico.
A base legislativa para a reforma anticorrupção foi finalizada A recente adoção da lei sobre o Alto Tribunal Anticorrupção, em conformidade com as recomendações da Comissão de Veneza, testemunham novamente a determinação da Ucrânia em progredir no caminho da anticorrupção. Esta mesma lei, além de permitir iniciar medidas práticas para establecer o Supremo Tribunal Anticorrupção, permite uma total transparência na concorrência aos cargos de juizes do Tribunal mencionado. A minha Ucrãnia que luta há 4 anos com agressor russo está no camiho da liberdade. Nós, ucranianos, com armas em punho, defendemos o SEU DEREITO de viver independentes na sua prória terra. Para vencermos na guerra híbrida que a Russia conduz contra a Ucrânia e TODA A EUROPA, temos de unir-nos!"

3

Embaixada da Ucrânia na República Portuguesa

Статистика
Перегляди статей
9277444
Лічильник

Українська рейтингова система