Carta aberta ao Primeiro-Ministro de Portugal, Dr. António Costa

Створено: 10 жовтня 2022 Дата публікації Перегляди: 1808

3Para Sua Excelência o Primeiro-Ministro de Portugal, Dr. António Costa

Hoje pelas primeiras horas do amanhecer quando os ucranianos estavam de regresso ao trabalho, às escolas, às universidades, vários mísseis atingiram cidades na Ucrânia provocando vários mortos e feridos, e as grandes cidades ficaram sem eletricidade e água.

Mais uma vez, Moscovo mostrou a sua verdadeira faceta sanguinária com o seu objetivo para esta invasão: a de matar ucranianos, a de destruir a Ucrânia.

Nós ucranianos que vivemos em Portugal teremos de continuar a telefonar todos os dias aos nossos familiares, aos nossos amigos, para saber que estão vivos

Mais uma vez a Rússia mostrou a sua agressividade sem limites nos métodos para massacrar e destruir isto não se pode tolerar e continuar desta forma impune.

Como a comunidade internacional já entendeu que é óbvio, que a única solução para esta guerra de agressão contra a Ucrânia é a vitória da Ucrânia com a libertação total do território ucraniano (incluindo a Crimeia, o Donbass e da zona marítima exclusiva) e a construção do novo sistema de segurança de Estados soberanos e democráticos na Europa. Urge a elaboração de medidas eficazes de contraterrorismo econômico, político e militar dos Estados livres europeus contra sistemas políticos totalitários que ameaçam a paz e estabilidade da zona de prosperidade europeia e internacional.

O povo ucraniano já demonstrou saber defender os valores europeus (humanos e democráticos). A Ucrânia e os ucranianos não se vão render mesmo perante um agressor militarmente superior.

Os últimos avanços do Exército ucraniano demonstraram que com o apoio internacional (ajuda militar e sanções) o conflito terminará em breve. Afinal de contas a “grandeza russa” assenta-se nas premissas como a propaganda, a espionagem e a corrupção bem como nas tentativas de resolver os problemas das economias nacionais através das “ofertas” russas a troco do silêncio e conivência. A invasão russa vai inequivocamente levar o mundo à beira de um novo conflito mundial com ameaças reais de guerra nuclear.

Hoje a Rússia confirmou mais uma vez que não procura soluções.
Hoje chegou a hora certa de mostrar que os países da União Europeia não aceitam chantagens da Rússia.
Por isso, o Exmo. Senhor Primeiro-Ministro de Portugal, Dr. António Costa, pedimos que a República Portuguesa declare a atual Federação Russa um Estado terrorista acompanhado do agravamento de sanções *e ao mesmo tempo defenda a Ucrânia nos mesmos princípios estatutários da NATO para a defesa coletiva para um maior apoio militar à Ucrânia* .

O Presidente da Associação dos ucranianos em Portugal,
Pavlo Sadokha

Продовжуємо ставити підписи і поширювати петицію до Португальского уряду щодо передання приміщення московського посольства у Лісабоні для потреб українських переселенців.
Московити повинні платити за вчинені злочини вже тепер!

!!!Petição pública para que o actual edifício da Embaixada da Federação Russa em Lisboa, na Rua Visconde de Santarém, 57, seja transformado num centro de acolhimento para deslocados, vítimas da agressão!!!


O seu apoio é importante, independentemente do valor que está disponível a doarimage


Центр допомоги українським біженцям «Всі тут»

45

8888814

Rádio Digital Comercial Ucrâniaradio comercial ucrania sq oficial new2312


 

ban23


Читати Українською!

Бібліотека у Португалії

R. Saco 1, 1150-311 Lisboa

85

Громадське незалежне
телебачення 
«Тризуб TV»

tryzub tv

Книга пам'яті


УГКЦ у Португалії

Розпорядок Богослужінь



Уроки португальської мови


Відеоархів Спілки:

Статистика
Перегляди статей
14177289
Лічильник

Українська рейтингова система